Relacionamento estruturado com PDV otimiza campanhas de trade marketing farmacêutico
  • Post category:Trade

Para que uma campanha no segmento de trade marketing farmacêutico tenha sucesso é essencial investir em comunicação e no relacionamento estruturado com o PDV.

Diferente do que acontecia há alguns anos, hoje em dia, o outbound marketing, conhecido também por “empurrar” as informações da sua empresa para o consumidor, já não tem mais a mesma força do passado. Segundo uma pesquisa realizada pelo Point of Purchase Advertising Institute, 85% dos brasileiros decidem o que desejam comprar diretamente no ponto de venda – o que torna a estratégia e execução de trade marketing ainda mais relevante.

Ao levar em consideração o universo do mercado de bem-estar e saúde, em que as indústrias farmacêuticas também devem estar presentes e monitorar os PDVs mais afastados, o desafio de atrair o shopper para seu produto se torna ainda maior, já que o custo de manter uma equipe própria para esta finalidade, muitas vezes, acaba sendo oneroso para a indústria farmacêutica.

Para não deixar este painel descoberto e aumentar a capilaridade dos seus produtos, uma boa sugestão é contar com o apoio de um parceiro estratégico que apresente soluções sob medida para cada caso.

Pensando em atender essa crescente demanda, A Interplayers, desenvolveu vários modelos para suprir a necessidade de execução nos pontos de vendas pulverizados e mais distantes por meio de equipes presenciais e não presencias, com atuação exclusiva.

 

Qual a vantagem de terceirizar ou contratar estes serviços junto a provedores especializados?

A resposta é simples: ao terceirizar o serviço de visitação presencial, você expandirá seu universo de relacionamento, reconhecendo novas oportunidades, diminuindo a concentração dos negócios e conhecendo um pouco mais sobre seu mercado. Com ajuda de sistemas para gestão da execução é possível a realização de pesquisas para análise de ruptura de produtos, de preços e da concorrência, possibilitando à indústria farmacêutica e de HPC o gerenciamento de toda a sua cadeia de negócios. Tornando tudo mais simples e fácil de fazer, tem-se toda gestão em tempo real, acompanhando a emissão e captação de pedidos no PDV, a rotina de visitação às farmácias, fotos das ações de trade marketing no ponto de venda e muito mais.

O mais importante, no entanto, é estar presente e executar suas estratégias de forma a expandir a cobertura do painel, aumentando o market share no ponto de venda, conquistando a visibilidade de seus produtos nas gôndolas e garantindo o crescimento de vendas. Enfim, é preciso estar mais próximo de suas oportunidades.

Porém, nem sempre temos toda capacidade de investimento para garantir uma cobertura maciça em todo mercado. Nessas horas, os modelos precisam se adaptar ao seu orçamento, permitindo que esses tais investimentos sejam compatíveis ao potencial de retorno que pode lhe trazer. Por isso, atuar por meio de equipes com visitação compartilhada ou atendimento virtual são ótimas alternativas. Ao optar por qualquer um destes modelos, você também irá se relacionar com seus parceiros, com custos muito mais baixos, tais como redução de despesas de deslocamento, compartilhamento do custo per capta e até mesmo do custo por cobertura.

Outro ponto importante é que independente da forma como você irá atuar, todas as suas ações estejam garantidas por indicadores de controles que garantam o sucesso de suas ações, permitindo corrigir e ajustar suas estratégias em tempo recorde e buscando o resultado que deseja.

Sistemas eficientes de gestão e controle, são motores importantes para uma equipe de alta performance. Ajudam a identificar gaps, destacam oportunidades e valorizam os colaboradores de sua equipe que estão executando corretamente as estratégias traçadas.

 

Geosetorização: mais economia e assertividade na definição do roteiro de visitas – benefícios para todos os modelos

Num país com as dimensões territoriais tão grandes, ou mesmo pela alta densidade dos grandes centros urbanos, saber gerir a distribuição inteligente dos roteiros de sua equipe é extremamente importante. Uma outra ferramenta que vem sendo muito utilizada pelas empresas que querem otimizar a roteirização das visitas no PDV é a Geosetorização.

Trata-se de uma ferramenta de inteligência que ajuda a indústria a organizar a produtividade de sua equipe de campo, como também reduzir custos com deslocamento ao optar pelo melhor roteiro.

Por exemplo, vamos imaginar que você tenha planejado que suas ações em campo permitam executar uma quantidade média de 10 PDVs visitas por dia para sua equipe. Para que seu vendedor consiga cumprir o planejamento, a formação dos setores levará em conta o tempo de deslocamento, distância entre pontos, setores de viagem ou de alto tráfego, e lhe trará a melhor forma de enxergar a real capacidade de execução.

A ferramenta coordena a sequência de visitação que cada representante deve fazer, calculando sempre o menor tempo de deslocamento com base na distância.

A Geosetorização também é muito utilizada na fase de planejamento. Se a indústria vai fazer um grande lançamento e está prevendo visitar 5000 pontos de vendas em todo país, a não utilização destas soluções poderá levá-lo a contratar uma equipe 15 a 20% maior que real necessidade. Um estudo desta magnitude promove uma economia fantástica para a empresa e coloca sua equipe realmente direcionada para a maior produtividade possível.

É muito simples: tenha sua equipe mais tempo dentro das lojas de seus clientes, do que perdendo tempo se deslocando de forma ineficiente e onerosa.

Dependendo da estratégia de cada produto, estar presente no maior número de pontos de vendas é crucial para melhorar a performance comercial, certo?

Por isso, escolha a estratégia que for mais rentável para o seu negócio, levando em consideração o custo benefício de cada operação e busque o apoio de um parceiro estratégico que tenha soluções on demand para atender sua necessidade.

 

Compartilhe: